Edição: Abril/2002 - n.01

Edição anteriores

:: Economia

América Latina e Argentina: presas na armadilha que ajudaram a montar
A América Latina passa, no período recente, por uma acentuada deterioração do quadro econômico, político e social em vários países importantes da região. Embora o combate contra a guerrilha e o narcotráfico na Colômbia tendam a ocupar o espaço mais destacado na mídia internacional, parece ser a economia o palco das mais profundas turbulências, em especial quando se vislumbra o futuro próximo do continente.
(Maria Antonieta Del Tedesco Lins, 2002-04-01)

CPMF e o Princípio da Isonomia
Partindo do princípio da criação de um imposto com a finalidade de combate à pobreza, é equivocado o governo não fazer nenhuma restrição ao fim da CPMF para o mercado de capitais, enquanto que a três meses atrás fez todo o possível para evitar a correção da tabela de desconto de IR na fonte em 17,5%, medida que beneficiou os trabalhadores assalariados de menor renda. Tudo bem que o governo tem o direito de reduzir despesas, mas não fazer uso da isonomia (todos são iguais perante a lei)
(Gilmar Lourenço, 2002-04-01)

 

:: Digital

Internet já vicia tanto quanto heroína
O número de pessoas viciadas na internet já supera, em alguns países industrializados, o dos dependentes de heroína. Segundo Hurbert Poppe, médico austríaco de uma clínica especializada em curas de desintoxicação para alcoólicos e toxicodependentes, calcula-se que cerca de 3% dos usuários regulares da internet desenvolvam algum tipo de dependência. Ele chama a atenção para a necessidade de se tomar medidas urgentes contra esta nova doença.
(Agência Lusa, 2002-04-01)

 

:: Trabalho

Você está procurando trabalho ou emprego?
A mobilidade dos trabalhadores mais jovens, sobretudo da faixa etária de 20 a 24 anos, é um fenômeno contemporâneo. Segundo dados do jornal Folha de São Paulo, apenas 23% dos profissionais norte-americanos permanecem, pelo menos, durante cinco anos no primeiro emprego. Na Finlândia, este índice é de 28%, e na Espanha, 31%. Esta alta mobilidade se deve, em partes, à globalização da economia, que requer profissionais cada vez mais antenados com as modificações do mercado, trazendo os desantenados para um mercado que cresce cada vez mais e é chamado de "economia informal"
(Tom Jones Moreira de Assis, 2002-04-01)

Projeto: você ainda vai ter um... 
O empreendedorismo brasileiro nunca esteve tão estimulado, difundido e acompanhado como agora. O empreendedor é um incansável na busca de oportunidades, e sempre consegue identificá-las. Este personagem especial, sinônimo de curioso, inquieto e realizador, leva consigo e verdadeiramente vive a frase: "O bom é colocar idéias em prática"
(Welinton S. Barreiros, 2002-04-01)

 

 

 

 

a