Edição: Setembro/2002 - edição n.03

Edição anteriores

:: Economia

Belíndia
Em 1974, Edmar Bacha cunhou essa expressão para definir o que seria a distribuição de renda no Brasil, à época (uma mistura entre uma pequena e rica Bélgica e uma imensa e pobre Índia), o economista ainda pensa ser válida a expressão para definir a distribuição de riquezas no país hoje. E ao que parece segundo dados apurados pelo IBGE, infelizmente é exatamente o que podemos constatar.
(Alan Henriques, 2002-09-16)

Perversa Arquitetura Social
Esse modelo econômico perverso, acaba por construir essa "perversa arquitetura social" segregando ricos e modernos de um lado, e pobres e arcaicos de outro. Dividindo a sociedade em dois e criando entre seus pares um distanciamento cada vez maior pelo fato de serem desiguais, "diferentes".
(Marcus Eduardo de Oliveira, 2002-09-16)

A Liberalização Comercial e o Meio Ambiente
O desenvolvimento sustentável exige um cometimento com políticas econômicas e gerenciamento, com a integração de problemas ambientais com o progresso e com a participação de todos nas tomadas de decisão. Assim, é necessário elaborar reformas das políticas econômicas para que promovam um planejamento eficiente visando o desenvolvimento sustentável por meio de políticas sociais e econômicas, alimentando o empreendimento e a incorporação dos custos sociais e ambientais nos preços, e a remoção dos meios de distorção nas áreas de comércio e investimento. 
(Vanessa Gonçalves, 2002-09-16)

Argentina: O cemitério da globalização espanhola
Em quatro anos, entre 1998 e 2001, a Espanha passou de 10% do "stock" de IDE na Argentina para 28,5%, colocando-se mais próxima dos Estados Unidos, que detém a liderança (30,5%), e à frente do IDE que vem pela via dos paraísos fiscais (estimado em 13%). Acrescente-se que a Espanha ocupou durante dois anos consecutivos (1999 e 2000) o sexto lugar entre os principais investidores no mundo.
(Silvia Chauvin e Jorge Nascimento Rodrigues, 2002-06-16)

 

 

 

a